quinta-feira, 20 de dezembro de 2007

Lenta


Lenta
Como a lagarta se arrastando,
Lenta
Como a lágrima escorrendo,
Lenta
Como um dia sem sorte,
Lenta,
Assim caminho.

E tudo o que vejo
É subtraído,
É filtrado


Para encontrar uma gota de beleza,
O processo
É lento.


Nara Loupe

2 comentários:

JP disse...

muito bom achar seu espaço.
tuas palavras me incitam a tentar fugir do meu limbo intelectual.
me deseje sorte.
bjs,

Poly disse...

quando vai ter atualizacao???